Fim-de-semana & Carsharing em Lisboa

Se há algo que está claramente em rascunho, é começar a partilhar por aqui algumas recomendações de locais que visito nas minhas horas de lazer, quando tenho mais tempo, principalmente no fim-de-semana. Seria um pouco de tudo – exposições, peças de teatro, filmes, locais, cafés, restaurantes … Um género de programa para o fim-de-semana. Gostavam?

Um bom exemplo disso foi este fim-de-semana passado, com direito a três dias de descanso, que aproveitei para fazer várias coisas.

Possivelmente despedi-me da praia, mas também criei um mini-roteiro por Lisboa, de coisas que queria ver.

Charlie-Na-Terra-Do-Nunca-Emov-007

Mas … Além do roteiro programado, aproveitei o convite da emov e fui experimentar o primeiro grande serviço de carsharing 100% eléctrico de Lisboa (que por acaso também estava na lista de pendentes – e veio mesmo a calhar!). Como já disse aqui mil vezes, se há temática que estou atento e sensível, é o ambiente. Arranjar soluções mais sustentáveis e que me façam sentir melhor, é o que procuro – nem sempre é fácil com o tipo de vida que levamos.

Mas posso-vos dizer: Fiquei fã! Superou as minhas expectativas e vou continuar a utilizar por ser muito simples. Instalei a app, registei-me com todos os requisitos que é preciso (tenham cartão de débito/crédito e carta de condução à mão), e lá fui eu! Foi só preciso procurar um carro junto ao local onde estava para ir à minha vida.

Charlie-Na-Terra-Do-Nunca-Emov-001

Como tinha várias coisas que queria fazer, a melhor parte é que não precisamos pagar o estacionamento na cidade. Fui ver a exposição dos “20 anos do Lux Frágil“, no Hub Criativo do Beato, passei pela mostra no exterior “Poster“, em Xabregas e Marvila, e fui lanchar ao The Coffee Libary – quem andou atento ao meu Instagram sabe do que falo.

Mas voltando à emov, tudo funciona através da app! Basta seguirem os passos, e é super intuitivo. Quando está tudo validado, basta escolhemos o carro, reservamos, temos 20 minutos para chegar junto dele, depois é só entrar (sim a app abre o veiculo) e arrancar para o nosso passeio.

Charlie-Na-Terra-Do-Nunca-Emov-006

Num fim-de-semana como o meu, que até passei pelo Chiado, ver a peça de teatro “A Pior Comédia do Mundo”, no Teatro da Trindade (também comi um gelado da Amorino), vão sentir bastante liberdade de movimento, porque quando chegas ao teu destino estacionas em qualquer lugar de estacionamento público, dentro da área de serviço, sem ter de pagar.

Charlie-Na-Terra-Do-Nunca-Emov-002

Fiquei tão fã, que se tiver que fazer alguns afazeres numa hora de almoço mais apressada, vou usar este serviço de carsharing, para me deslocar com alguma mobilidade a locais onde os transportes não cheguem tão facilmente.

Gostei tanto que pedi à emov, para oferecer 30 minutos grátis! Basta registarem-se na app com o código CHARLIE30, mas rápido que é só até 11 de Novembro. Sou ou não sou amigo? Se tiverem dúvidas digam-me.

Segue o Charlie na Terra do Nunca em

Facebook | Instagram | Twitter | Pinterest | Bloglovin’ | Blogs Portugal

 

Fotografias by Sérgio Camecelha

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: